Clodoaldo Magalhães anuncia fim de parceria com João Fernando

Em entrevista ao Programa Microfone Aberto, da Rádio Quilombo FM, nesta quinta-feira (07) o deputado estadual Clodoaldo Magalhães (PSB) surpreendeu o mundo político da Mata Sul ao anunciar o rompimento da parceria política que havia firmado com o deputado federal João Fernando Coutinho (PROS).
O principal argumento utilizado pelo parlamentar justificar o fim da aliança entre as famílias Magalhães e Coutinho seria o fato de que ela estaria sendo prejudicial eleitoralmente para ele. Para isto, Clodoaldo comparou os votos que o seu grupo transferiu para João Fernando no município de Xexéu em 2014, onde o seu pai Eudo Magalhães é prefeito, aos que recebeu em Água Preta nesta mesma eleição. “A aliança política ela só é positiva se ela for boa para os políticos que estão envolvidos e para o povo”, afirmou Clodoaldo. O deputado aproveitou também a oportunidade para tecer duras críticas à gestão do prefeito de Água Preta Eduardo Coutinho, pai de João Fernando.
Uma das suspeitas para esta posição tomada por Clodoaldo pode está relacionada ao fato de que o seu irmão Noé tem projetos de ser candidato a prefeito de Água Preta em 2020, chocando com os interesses do prefeito Eduardo Coutinho de buscar a reeleição.
Com a posição anunciada por Clodoaldo a parceria com João Fernando não mais existirá nos municípios de Xexéu e Água Preta. A dúvida agora paira sobre a dobradinha que os dois realizam em Joaquim Nabuco com o apoio do ex-prefeito João Carvalho e do ex-candidato a prefeito Lírio Júnior.
Até o fim desta matéria o Blog Ponto de Vista tentou entrar em contato com os deputados Clodoaldo Magalhães e João Fernando Coutinho, além do prefeito Eduardo Coutinho, porém não obteve êxito. Em breve traremos mais novidades sobre o assunto.
Com qual deputado federal que Clodoaldo firmará parceria em Xexéu e Água Preta? Qual será o deputado estadual que a família Coutinho apresentará também nestes dois municípios?
Previous Post
Next Post

post written by:

0 comentários:

AVISO:
Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a nossa opinião. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Mata Sul poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada..