Mulher toma refrigerante envenenado e morre em Gravatá, no Agreste

Jovem teria tomado refrigerante com veneno
Foto: Reprodução/TV Jornal.

Uma mulher foi assassinada por envenenamento nessa terça-feira (16) em Gravatá, no Agreste de Pernambuco. De acordo com a Polícia Civil, Dayane Bezerra da Silva, de 22 anos, manteve por mais de um ano relacionamento com um homem de 51 anos. Ela teria ido à casa do namorado e teria ingerido refrigerante com veneno de rato. Ela chegou a ser socorrida para um hospital da cidade e, em seguida, transferida em estado grave para uma unidade de saúde do Recife. Apesar do atendimento, a moça não resistiu e morreu. 

O suspeito  de cometer o crime, que não teve o nome divulgado, também foi atendido no hospital com sintomas de envenenamento. Segundo a Polícia Civil, o motivo do crime teria sido ciúmes. Quando receber alta, o homem será chamado pela polícia para depor.

Nessa terca-feira (16), outra morte por envenenamento foi registrada no estado. Severino Gomes Santiago, de 73 anos, faleceu após consumir uma lasanha recheada com veneno de rato preparada pelo filho, Gustavo Dias Santos Santiago e pela nora Cleonice Maria da Conceição. O homicídio aconteceu na cidade de Vitória de Santo Antão, na Zona da Mata de Pernambuco. 
Previous Post
Next Post

post written by:

0 comentários:

AVISO:
Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a nossa opinião. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Mata Sul poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada..